O início da ordem provém da visão intuitiva. O cérebro lesado cura-se quando há a visão intuitiva. — Krishnamurti

A retomada do ritmo do Sopro que nos habita


O personagem Skip, cumpre o papel do Terapeuta, aquele que ama a sabedoria, aquele que anda em busca da Inteligência criadora (Sophia). O Terapeuta sabe que o significado de "ressuscitar" alguém, é facultar sua volta à vida — retirá-lo de seu estado de bobeira (Bob) — através da retomada do contato consciente com o "Sopro que lhe habita e no qual é". Como nas palavras de Jean-Yves leloup, em seu livro "Cuidar do Ser — Fílon e os Terapeutas de Alexandria":

"Nossa vida depende de um sopro, o Terapeuta cuida desse sopro que informa o corpo. Curar alguém é fazê-lo respirar: "pôr o seu sopro ao largo (sentido da palavra "salvação" em hebraico), e observar todas as tensões, bloqueios e obstruções, que impedem a livre circulação do ar (sopro), ou seja, a plena expansão da alma num corpo. caberá ao Terapeuta a função de "desatar" esses nós da alma, esses obstáculos à Vida e a Inteligência criadora no corpo do ser humano."   
 "A inteligência se aguça quando se respira uma ar mais leve". — Fílon de Alexandria
A respiração é a essência da vida; e a mente, mais difícil de ser controlada que um cavalo rebelão, pode ser controlada por meio de um conhecimento do método adequado de respirar... a ciência da respiração é o maior mistério que existe, e durante milhares de anos, nas escolas dos místicos, ela tem sido conservada como uma responsabilidade sagrada. — Sufi Hasrat Inayat Khan
"Quando se está na presença de alguém, não se pensa nele, pois está aí. A verdadeira oração não é pensar em Deus, é estar com Ele, deixá-lo Ser, deixá-lo respirar no nosso Sopro". — Monge do Monte Athos

"No coração do nosso sopro encontra-se o nome d'Aquele que É... A consciência do nome no coração do sopro... Deixar que o sopro e o nome nos conduzam a um silêncio mais profundo e a uma presença mais simples... Permanecer nessa presença, com o coração e com gratidão. Permanecer nessa presença e respirar nessa presença... Para o nosso bem-estar e o bem-estar de todos..." — Jean-Yves Leloup

"O Sopro que anima tudo
Ser é o que você é...
Você é aquele Insondável 
Onde toda experiência e conceitos aparecem. 
Ser é o Momento em que não há o ir e vir. 
Isto é o Coração, a Fonte, o Vazio. 
Isto brilha de Si, por Si, em Si. 
Ser é o que dá o sopro a Vida. 
Você não precisa procurar por Isto, Isto está Aqui. 
Você é Isto através do que você procura. 
Você é Isto que você procura! 
E Isto é Tudo o que é. 
Somente o Ser é."

Papaji

Outros textos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Google+ Followers